0492 - Firmamento (Wrong Girl To Play With) - Cidade Negra [1996]

A banda Cidade Negra nasceu em meados da década de 1980 imprimindo desde seu início um reggae bem fincado nas raízes jamaicanas com composições mais politizadas. Em 1994 com a entrada do vocalista e compositor Toni Garrido, a banda ganhou as rádios FM brasileiras graças ao sucesso do disco Sobre Todas As Forças que continha vários hits como A Sombra da Maldade, Pensamento, DowntownOnde Você Mora? (essa última composição de Nando Reis e Marisa Monte) com um reggae mais pop e leve.

Em 1996 veio o disco O Erê gerando uma nova onda de sucesso para a banda carioca. Além da faixa que batiza o disco, O Erê ficou marcado também pelo sucesso da faixa Firmamento

Mas afinal de contas, você sabe de onde veio esse tal Firmamento?


Firmamento, ao contrário que muitos possam pensar, não é original do Cidade Negra e sim uma versão da música Wrong Girl To Play With do cantor jamaicano Winston Foster conhecido artisticamente como Yellowman

Cantor de pele albina, abandonado pelos pais por essa característica, Yellowman conseguiu se destacar com seu dancehall, se tornando um dos principais expoentes deste gênero musical que mistura reggae, dub, batidas eletrônicas, rap e hip-hop. No início dos anos 80, fase em que produziu cerca de 40 singles (aproximadamente 5 álbuns por ano), Yellowman conseguiu reconhecimento público graças a sucessos como Zungguzungguguzungguzeng, Strong Me Strong e famosíssima Nobody Move Nobody Get Hurt de 1984, música que o levou as paradas de sucesso nos EUA e foi "sampleada" por mais de uma dezena de vezes por diferentes artistas, incluindo o grupo Fugees.

Foi quase desta mesma safra que Yellowman compôs a canção Wrong Girl To Play With para o álbum Two Giant Clash, também do ano de 1984. A composição que fala de uma forma franca e direta sobre se relacionar com garotas mais jovens e os perigos inerentes nestes relacionamentos recebeu uma ótima vocalização usando todo o sotaque do patoá jamaicano embalada numa levada clássica de dancehall.


Diferentemente da original, que não é uma das mais conhecidas da carreira do cantor Yellowman, Firmamento ganhou espaços nas rádios e nos canais de TV do Brasil, se tornando umas das músicas mais conhecidas da carreira do Cidade Negra. 

A adaptação para o português têm em seus créditos praticamente todos os integrantes do Cidade Negra à época. A letra, por sua vez, em nada tem haver com o original. E melodicamente falando, chega a ser difícil conseguir perceber semelhanças musicais com sua matriz jamaicana numa primeira audição. 

Vale destacar que no refrão da adaptação brasileira existe uma das redundâncias mais cantaroladas do nosso cancioneiro pop (“Entre o céu e o firmamento / Não há ressentimento / Cada um ocupando o seu lugar”), como observou o professor Pasquele Cipro Neto em matéria publicada pelo jornal Diário do Grande ABC“O firmamento é o próprio céu, então é esquisito. É exagerado, redundante”.


Em 1999 o cantor e compositor Orlando Moraes regravou Firmamento e teve sua versão incluída na trilha da novela da Rede Globo Suave Veneno.


Outra versão de Firmamento que ganhou bastante destaque foi produzido pela banda Opinião Pública, numa versão mais roqueira (que contou com a participação do próprio Toni Garrido), sendo incluída na trilha da novela Poder Paralelo da TV Record de 2009.


Redundâncias a parte, é fato que Firmamento firmou de vez o Cidade Negra como umas das mais importantes banda do Brasil naqueles idos de 1996. Porém é legal ressaltar sempre as origens do nosso Firmamento. E nisso, certamente, o icônico Yellowman firmou também sua marca em terras brasileiras.

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não publique Spam. Todos os comentários são revisados pelos administradores.